Em 2014 o Youtube fez sua primeira campanha mundial offline – levando para a tevê, rádio, outdoors, revistas e afins, alguns dos canais de maior sucesso do país foram destacados na veiculação local.

À época, o Youtube pretendia, com a campanha mundial, mostrar a seriedade da plataforma para investidores – principalmente os investidores publicitários. Divulgando canais com produção alta de conteúdo e que geram muito tráfego ao site, como os canais Porta dos FundosManual do MundoMake Up by Camila Coelho, o Youtube pretendia mostrar a seus principais investidores a existência de produtoras e empresas independentes que geravam empregos e movimentavam a economia do país para produzir conteúdo sério e de qualidade veiculado gratuitamente por sua ferramenta de streaming.

Outra estratégia contida na ação de 2014 era desbancar o crescimento do Facebook como ferramenta também de vídeo. Embora este nunca tenha sido o interesse do Facebook – concorrer com o Youtube como plataforma de vídeo – o surgimento da ferramenta de upload na rede social de Mark Zukerberg atrapalhou – e ainda atrapalha bastante – os negócios da maior plataforma de vídeo do mundo.

Em menor escala que na campanha de 2014, este ano o Youtube surge novamente com uma campanha off – desta vez, nacional. Novamente, o site busca enaltecer os produtores de conteúdo que tiveram crescimentos estrondosos e que movimentam, com isso, não só o canal, mas todo o mundo da publicidade on e offline. Whindersson Nunes, Jout Jout e Caio Novaes aka Ana Maria Brogui são as faces da campanha “Novos Tempos, Novos Ídolos”.

O objetivo da campanha é o mesmo (de atrair mais investidores para o site), porém o mote agora não é só a produção de conteúdo, mas a relevância que estes canais têm e como seus criadores viraram ídolos de toda uma geração via internet.

O formato de vlog faz muito sucesso aqui no Brasil desde que os pioneiros do formato como PC Siqueira, Ronald Rios e Felipe Netto ligaram as webcams de seus computadores e deram suas primeiras opiniões online. É de se esperar que a rede levante estudos de crescimento de influenciadores para trabalhar melhor os direcionamentos de propaganda.

A nova campanha surge exatamente no mesmo momento em que o streaming ao vivo no Facebook começa a tomar força, o que mostra que a Google ainda está preocupada com os investimentos em vídeo que o Facebook tem feito. A nós, resta acompanhar os desdobramentos destas campanhas.

Fique atento à nossa página do Facebook e do LinkedIn para mais notícias sobre marketing digital, redes sociais, comunicação, propaganda e design!

Comments

comments